Ginecomastia Masculina: causas e tratamentos

A ginecomastia masculina é um transtorno bastante comum, que pode afetar homens de diferentes faixas etárias, desde a adolescência até a idade adulta.

No assunto de hoje, vamos abordar o que é ginecomastia masculina, as causas e as opções de tratamentos disponíveis, a fim de esclarecer suas dúvidas.

O que é Ginecomastia Masculina?

A ginecomastia masculina é uma condição caracterizada pelo crescimento excessivo do tecido mamário em homens.

Embora seja comumente associada às mulheres, a presença de “seios” em homens também é um fenômeno natural.

No entanto, quando o crescimento mamário se torna excessivo, causando desconforto físico, psicológico e emocional, é considerado um problema de saúde.

Geralmente, o transtorno é resultado de alterações hormonais durante a puberdade.

Ou seja, a ginecomastia em homens pode aparecer já na fase da adolescência.

Tipos e causas da Ginecomastia Masculina

Ginecomastia masculina
Tipos de ginecomastia em homens

Existem diferentes tipos de ginecomastia em homens, cada um com características distintas.

Abaixo estão os principais tipos de ginecomastia masculina:

Ginecomastia fisiológica

Também conhecida como ginecomastia puberal, ocorre durante a puberdade devido às flutuações hormonais normais nessa fase da vida.

Normalmente, é temporária e tende a regredir espontaneamente em poucos meses a dois anos.

Ginecomastia idiopática

Esse tipo de ginecomastia ocorre sem uma causa identificável. Não está associada a nenhum distúrbio hormonal ou condição médica específica.

Sendo assim, uma consulta é primordial para entender o que, de fato, pode estar ocorrendo com o seu corpo, se este for o caso.

Ginecomastia medicamentosa

É causada pelo uso de certos medicamentos que afetam o equilíbrio hormonal no corpo.

Alguns exemplos incluem esteroides anabolizantes, medicamentos antiandrogênicos, anti-hipertensivos, antidepressivos tricíclicos, entre outros.

Ginecomastia relacionada à idade

À medida que os homens envelhecem, ocorrem mudanças hormonais naturais no corpo.

Essas mudanças podem levar ao desenvolvimento da ginecomastia, e, em alguns casos, devido ao excesso de pele e de gordura na região.

Ginecomastia associada a condições médicas

Certas condições médicas, como doenças hepáticas, distúrbios da tireoide, insuficiência renal, podem desencadear o crescimento excessivo do tecido mamário nos homens.

Porém, é importante ressaltar que cada tipo de ginecomastia masculina pode variar em termos de gravidade, complexidade e necessidade de tratamento.

É fundamental procurar um médico especialista para avaliar o tipo específico de ginecomastia e determinar o melhor plano de tratamento, se necessário.

Como tratar a Ginecomastia em homens?

Ginecomastia em homens
Hipertrofia do tecido glandular mamário em homens

Agora que você já sabe que a ginecomastia é uma condição caracterizada pelo aumento do tecido mamário em homens, qual seria o tratamento mais indicado?

O Dr. Jorge Moulim – CRM 7797-ES, alerta para os diferentes tipos de tratamentos da ginecomastia, que podem variar dependendo das causas subjacentes e da gravidade dos sintomas.

Aqui estão algumas opções de tratamento comumente consideradas:

Tratamento medicamentoso para ginecomastia masculina

Em certos casos, medicamentos podem ser prescritos para tratar a ginecomastia. Antiestrogênios, como o tamoxifeno, podem ajudar a reduzir o tecido mamário em alguns homens.

Do mesmo modo, tais medicamentos apresentam efeitos colaterais, por isso, eles devem ser vendidos sob controle médico.

Cirurgia de ginecomastia para homens

Por fim, se a ginecomastia persistir ou causar desconforto significativo, a cirurgia pode ser considerada uma opção.

A cirurgia de redução mamária em homens, conhecida como mamoplastia masculina, envolve a remoção do excesso de tecido mamário e, em alguns casos, também a remoção de gorduras.

O procedimento é realizado somente por um cirurgião plástico especializado, lembre-se disso!

Qual o valor de uma Ginecomastia Masculina? 

O custo de uma cirurgia de ginecomastia masculina pode variar amplamente, dependendo de vários fatores.

A localização geográfica, a reputação, assim como a experiência do cirurgião plástico, fazem parte destes fatores.

Mas, segundo algumas pesquisas na Internet, o preço médio da cirurgia de ginecomastia masculina pode variar, a partir de R$ 5.000.

É muito importante consultar um especialista neste tipo de cirurgia plástica, uma vez que o paciente busca melhorar sua aparência e não o contrário.

Vale destacar que, os valores supracitados são apenas estimativos e podem variar consideravelmente.

Além disso, o custo total do procedimento pode incluir exames pré-operatórios, honorários do anestesista e custos pós-operatórios.

O Dr. Jorge Moulim é um cirurgião plástico em Vitória (ES) com grande experiência em ginecomastia masculina e nos mais diferentes tipos de cirurgias plásticas.

Envie-nos uma mensagem e agende a sua consulta.

Fontes: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Dr. Jorge Moulim – CRM 7797-ES

ginecomastia masculina

Atualizado em: 16/06/2023

Sobre o autor | Website

Dr. Jorge Moulim – CRM 7797-ES Formação acadêmica: * Residência médica em cirurgia plástica pela Universidade Estadual Paulista * Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, confira o perfil, clique aqui. * Membro da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética * Membro do Colégio Brasileiro de Cirurgiões

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

*

Seja o primeiro a comentar!